Temer anuncia congelamento do diesel por dois meses

autor Misto Brasília

Postado em 27/05/2018 21:58:57 - 21:57:00


Temer anunciou agora à noite cinco medidas para acabar com a greve dos caminhoneiros/Arquivo

Medidas foram anunciadas há pouco e inclui três medidas sem “prejudicar” a Petrobras

O presidente Michel Temer (MDB) anunciou há pouco cinco medidas para acabar com a greve dos caminhoneiros. “Jamais abandonamos o diálogo”, afirmou num pronunciamento às 21h45 após uma nova rodada entre a equipe econômica e a classe dos caminhoneiros.

“Atendemos a praticamente a todas as reinvindicações”, afirmou. Entre as medidas, estão três Medidas Provisórias (MP) que devem ser publicadas nesta segunda-feira no Diário Oficial da União.

Eis o que o presidente anunciou

01 – O preço do diesel terá desconto de R$ 0,46 por litro na bomba, ai somados o PIS/Cofins e a Cide. “Sacrificamos o orçamento sem prejuízos da Petrobras”.

02 – o preço do óleo disse será válido para os próximos 60 dias (Estava previsto anteriormente que era de 15 dias, depois para 30 dias e agora por dois meses). “Só haverá reajustes mensais para ter presibilidade nos fretes”, afirmou Temer.

03 – edição da Medida Provisória para que seja cumprida isenção dos eixos suspensos em todos os pedágios (nas rodovias municipais, estaduais e federais).

04 – edição da Medida Provisória para garantir aos caminhoneiros autônomos 30% dos fretes da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento)

05 – edição da Medida Provisória que estabelece tabela mínima do frete. Existe um projeto em tramitação no Senado Federal.

De acordo com a declaração do presidente, as medidas anunciadas esta noite não eliminam o acordo formalizado no final da semana entre os caminhoneiros e o governo, como a não reoneração da folha de pagamento, projeto que foi aprovado na Câmara dos Deputados.


Guga Kuerten diz que cortar dinheiro do esporte das crianças é ato de desespero
Forró e festa junina no gabinete do vice-presidente da Câmara
veja +
Comissão aprova criação de creches para filhos de agentes de segurança pública
Especialistas sugerem contratação de mais aprendizes pelo poder público
Aplicativo Sine Fácil ajuda 2,7 desempregados no Distrito Federal
veja +