Economia fica menor em março do que o esperado

autor Misto Brasília

Postado em 16/05/2018 11:38:33 - 11:33:00


O setor de agronegócio continua segurando a economia que continua em crise/Arquivo

Índice de Atividade Econômica do Banco Central recuou 0,74% em março na comparação com fevereiro

 

A economia brasileira encolheu mais que o esperado em março, fechando o primeiro trimestre com contração de 0,13% e corroborando a fraqueza da atividade, neste início de ano, em meio ao mercado de trabalho debilitado e ao cenário político que afetam a confiança.

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), espécie de sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB) divulgado nesta quarta-feira, recuou 0,74% em março na comparação com fevereiro, segundo dado dessazonalizado.

O resultado foi bem pior do que a expectativa em pesquisa da Reuters com analistas, de queda de 0,10%, e o cenário mostra ainda mais fraqueza, com a revisão pelo BC do dado mensal de fevereiro pelo BC para recuo de 0,10%, após divulgar expansão de 0,09%.

Com isso, o indicador que incorpora projeções para a produção nos setores de serviços, indústria e agropecuária, bem como o impacto dos impostos sobre os produtos, interrompe série de quatro trimestres de expansão.

Em março, a produção industrial encolheu 0,1% e terminou o primeiro trimestre estagnada, enquanto o setor de serviços apresentou nos três primeiros meses do ano contração de 0,9%. Somente o varejo terminou o período com ganhos, de 0,7%, mas ainda indicando oscilações.

 


Moradores fazem panelaço durante pronunciamento de Temer no domingo
Apoio à greve dos caminhoneiros leva milhares às ruas neste domingo
veja +
Começa nesta sexta-feira o Feirão da Caixa em Brasília
Vacinação contra a aftosa continua no Distrito Federal até o final do mês
Barroso explica obrigação dos partidos em reservar 30% do fundo eleitoral para candidatas
veja +