Brasileiro preso em dezembro foi expulso pela Venezuela

autor Misto Brasília

Postado em 07/01/2018 08:30:25 - 08:25:00


Ministro Aoysio Nunes falou sobre o caso do brasileiro no Twitter/Arquivo

A informação foi dada pelo Twitter pelo ministro das Relações Exteriores Aloyso Nunes

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, informou em sua conta no Twitter que o brasileiro Jonatan Diniz, detido no dia 28 de dezembro pelas forças de segurança da Venezuela, no estado de Vargas, foi expulso do país. O comunicado do ministro não dá detalhes da situação de Diniz, nem se ele vem para o Brasil.

O brasileiro decidiu retornar para Miami, onde reside. Ele estaria fazendo trabalhos comunitários na Venezuela e foi acusado de espionagem pelo governo de Nicolás Maduro.

“O incidente envolvendo o brasileiro Jonatan Moisés Diniz foi encerrado, com sua expulsão da Venezuela”, escreveu o ministro em sua conta. Em nota divulgada na quinta-feira (4), o Itamaraty informou que acionou o Ministério das Relações Exteriores da Venezuela e as autoridades policiais daquele país para descobrir onde Diniz estava detido, bem como sua situação jurídica.


Guga Kuerten diz que cortar dinheiro do esporte das crianças é ato de desespero
Forró e festa junina no gabinete do vice-presidente da Câmara
veja +
Comissão aprova criação de creches para filhos de agentes de segurança pública
Especialistas sugerem contratação de mais aprendizes pelo poder público
Aplicativo Sine Fácil ajuda 2,7 desempregados no Distrito Federal
veja +