Volta a propaganda mentirosa do governo sobre a Previdência

autor Misto Brasília

Postado em 04/12/2017 08:29:36 - 08:27:00


A peça publicitária esconde detalhes importante da PEC da Previdência/Arquivo

Peça havia sido suspensa pela justiça de primeira instância sob a justificativa que ela é mentirosa

O governo foi autorizado a veicular novamente a propaganda da reforma previdenciária, que havia sido suspensa por uma liminar da justiça federal de primeira instância. O Tribunal Regional Federal de Brasília suspendeu a proibição e afirmou na sentença que a interrupção seria uma “grave interferência” de um Poder na política de governo do Executivo.

A decisão que atende a um pedido da Advocacia-Geral da União, dá mais tempo para o governo tentar convencer a opinião pública de que a proposta a ser votada na próxima semana é boa para o trabalhador e fundamental para as contas federais. Para a Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip) e outras entidades que entraram com a ação a propaganda seria mentirosa, porque esconde “pegadinhas” extremamente prejudiciais aos servidores e trabalhadores da iniciativa privada.


Guga Kuerten diz que cortar dinheiro do esporte das crianças é ato de desespero
Forró e festa junina no gabinete do vice-presidente da Câmara
veja +
Comissão aprova criação de creches para filhos de agentes de segurança pública
Especialistas sugerem contratação de mais aprendizes pelo poder público
Aplicativo Sine Fácil ajuda 2,7 desempregados no Distrito Federal
veja +