Volta a propaganda mentirosa do governo sobre a Previdência

autor Misto Brasília

Postado em 04/12/2017 08:29:36 - 08:27:00


A peça publicitária esconde detalhes importante da PEC da Previdência/Arquivo

Peça havia sido suspensa pela justiça de primeira instância sob a justificativa que ela é mentirosa

O governo foi autorizado a veicular novamente a propaganda da reforma previdenciária, que havia sido suspensa por uma liminar da justiça federal de primeira instância. O Tribunal Regional Federal de Brasília suspendeu a proibição e afirmou na sentença que a interrupção seria uma “grave interferência” de um Poder na política de governo do Executivo.

A decisão que atende a um pedido da Advocacia-Geral da União, dá mais tempo para o governo tentar convencer a opinião pública de que a proposta a ser votada na próxima semana é boa para o trabalhador e fundamental para as contas federais. Para a Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip) e outras entidades que entraram com a ação a propaganda seria mentirosa, porque esconde “pegadinhas” extremamente prejudiciais aos servidores e trabalhadores da iniciativa privada.


Rollemberg garante que a Estação de Corumbá estará concluída até o final do ano
"O senhor não tem vergonha na cara", dispara brasileiro para Gilmar Mendes
veja +
Meirelles diz que conselho definirá casos de vice-presidentes da CEF
Propostas que legalizam jogos de azar andam rápido no Congresso
Publicada lei que pretende diminuir os altos índices de mortes no trânsito
veja +