Auxílio-moradia continua esperando decisão do Supremo

autor Misto Brasília

Postado em 23/11/2017 08:02:14 - 07:59:00


Miistro Luiz Fux se indignou contra a decisão da Alerj/Arquivo

Privilégio ao Judiciário em vigor há mais de três anos já consumiu do contribuinte R 4,2 bilhões

Texto de Raul Sartori

Ministro do Supremo Tribuna Federal, Luiz Fux disse ser “lamentável, vulgar e promíscua” a decisão da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro de libertar três deputados acusados corrupção.

É o mesmo que autorizou em 2014, por liminar, o pagamento de auxílio-moradia a 17 mil juízes e 13 mil membros do Ministério Público e não ter submetido o caso ao plenário até hoje. A canetada custou até agora R$ 4,2 bilhões ao contribuinte. Isso sim que é promiscuidade com o dinheiro do esfolado contribuinte, e lamentável. 


Fundo Partidário vai definir força das coligações, diz deputado
Bandidos ateiam fogo em ônibus em Florianópolis
veja +
Maia esteve com General Villas Boas para falar sobre intervenção
Comissão quer maior controle sobre importação de produtos agrícolas
Projetos que podem render recursos imediatos para o governo
veja +