A sua Primavera

autor Gilmar Correa

Postado em 31/08/2017 10:08:48 - 10:04:00


A Primavera e o flamboyant florido na capital dos brasileiros/Arquivo/reprodução

Nem Carlos Drummond de Andrade escapou da renovação de setembro e colheu suas flores da Primavera

No dia 22 de setembro começa a Primavera, a estação que muitos apontam como a mais bonita do ano.  É o período de flores. É uma época em que ocorre o florescimento de várias espécies de plantas.

O florescimento é o início da época de reprodução, um tempo de nascimento, o primo vero. Esta separação de estações começou a ser uma convenção a partir do século 17. A um dia do início de setembro, é natural que nossas esperanças se renovem.

Virar o calendário do mês sempre estimula a imaginação. Se por um lado alimentamos nossos sentimentos, por outro a realidade bate fundo. Estamos a quatro meses do fim do ano e as notícias não são boas.

Escorregamos nessa ladeira do pessimismo ao passear pelos sites de notícia e chegamos à conclusão que o ano passa rápido, mas as notícias ruins são cada vez mais insistentes. A violência ficou pior, a saúde é um drama diário e nossos políticos não tomam jeito.

Para deixar a gente mais triste, o Judiciário é o Poder onde se paga os salários mais absurdos e a vergonha ainda está longe de ruborizar a maioria dos agentes de Estado.

Mas falemos de Primavera e nos ancoramos nos textos de Angélica Favreto. A estação indica que é hora de acordar! Durante todo o inverno, os animais hibernantes como morcegos, ouriços e esquilos entram em um sono profundo para poupar energia. Por isso, quando a Primavera chega é como se um despertador avisasse para esses animaizinhos que é tempo de sair de casa.

Nem Carlos Drummond de Andrade escapou dessa renovação de setembro. Aos 75 anos encontrou energia renovada para lançar “Discurso de primavera e algumas sombras”.

E como foi observado por Livr Andante, a velhice da mão não lhe impedia a renovação da pena. E assim ele deixava passar uma oportunidade (que podia ser sua última) de se entregar ao clássico lugar-comum pelo qual o versejador idoso lamentava estar numa reta final, na estação em que a natureza recomeçaria mais um ciclo.

Então, aproveite setembro e faça também a sua Primavera.


O brasileiro é criativo - Despacito no ritmo e versão do vendedor de bom bom
Deputado ataca Ciro e classifica o pré-candidato de racista e caloteiro
veja +
Aprovada reserva de vagas em universidades públicas para alunos bolsistas de escolas beneficentes
CCJ aprova doação de blindados do Exército brasileiro ao Uruguai
Projetos culturais do Distrito Federal recebem recursos
veja +