Macacos, judeus e hebreus

autor Maya Félix

Postado em 08/08/2017 08:43:14 - 08:38:00


César, o líder dos macacos, leva o grupo até a terra prometida/Arquivo/Divulgação

Cesar não apenas liberta o povo dos trabalhos forçados como o conduz até a terra prometida

Fui ver o filme Planeta dos Macacos, parte 3 - A Guerra. Gostei muito! Há vários aspectos que eu poderia sublinhar, mas em particular chamo a atenção para a analogia dos macacos com os judeus.

Primeiro, porque são aprisionados em um campo de concentração, com todas as características de um. Famílias inteiras, filhotes, idosos, enfim, enquanto entre os humanos só há militares masculinos, maus e liderados por um psicopata ensandecido.

Também podemos pensar em hebreus no Egito e Moisésna figura de Cesar, o macaco líder que veio para libertar seu povo do cativeiro. Cesar não apenas liberta o povo dos trabalhos forçados como o conduz pelo deserto até a terra prometida, onde há um lago, paz, alimentos etc. Pelo visto o planeta ficou mesmo para os macacos.

É impossível, aliás, não torcer por eles. Quero saber quem viu o filme e torceu contra os macacos mais humanos que já existiram neste mundo: compassivos, inteligentes, amorosos, dotados de linguagem verbal, senso de família, dignidade, caráter etc.

Nota da Redação – Sinopse - Humanos e macacos cruzam os caminhos novamente. César e seu grupo são forçados a entrar em uma guerra contra um exército de soldados liderados por um impiedoso coronel. Depois que vários macacos perdem suas vidas no conflito, César luta contra seus instintos e parte em busca de vingança. Dessa jornada, o futuro do planeta poderá estar em jogo.


AO VIVO -TV da Câmara Legislativa
O desabafo do prefeito de Belo Horizonte
veja +
Shéridan defende aumento da pena para estupro
Eunício anuncia que é MP para alterar reforma trabalhista no Palácio
Vital do Rêgo entrega auditorias de 94 obras para Comissão de Orçamento avaliar
veja +