Resumo da denúncia contra o presidente Temer e Rocha Loures

autor Misto Brasília

Postado em 26/06/2017 21:25:29 - 21:23:00


A relação de Temer com Joesley Batista que terminou em denúncia/Arquivo

Procuradoria-Geral da República pede também reembolso por dano moral de R$ 10 e R$ 2 milhões

Michel Temer e o ex-assessor Rodrigo Rocha Loures denunciados por corrupção passiva e concurso de pessoas (organização criminosa), pelo pagamento, de Joesley Batista para presidente da República, de R$ 500 mil (por meio de Saud e Loures), além da promessa de outros R$ 38 milhões.

O PGR descreve a organização criminosa como complexa, havendo núcleos político, econômico, administrativo e financeiro.

▪Possíveis crimes constantes no contexto probatório originário que ainda demandam análise da pgr: 
- servidores do CADE praticaram corrupção e advocacia administrativa
- funcionários da Petrobrás (contrato com a EPE mediante propina)
- pagamento de propina para cunha e funaro em troca do silêncio de ambos
- relação entre “organização criminosa do PMDB na Câmara” e o grupo J&F
- caixa/FGTS
- ministério da agricultura
- conta corrente – funaro
- desoneração da folha
- eleição PCD

▪Possíveis crimes que surgiram no decorrer das investigações (a ser apurados em inquérito próprio):
- Ricardo, Celso, Edgar, Yunes e coronel: pessoas que intermediavam pagamentos ilícitos para Loures e Temer.
- Decreto dos Portos

▪Pede dano moral coletivo: R$ 10 milhões de Temer e R$ 2 milhões de Loures


Guga Kuerten diz que cortar dinheiro do esporte das crianças é ato de desespero
Forró e festa junina no gabinete do vice-presidente da Câmara
veja +
Comissão aprova criação de creches para filhos de agentes de segurança pública
Especialistas sugerem contratação de mais aprendizes pelo poder público
Aplicativo Sine Fácil ajuda 2,7 desempregados no Distrito Federal
veja +