Um país em convulsão?

autor André Pereira Cesar

Postado em 27/04/2017 10:35:49 - 10:29:00


Manifestações contra a corrupção no Congresso Nacional/Arquivo/Divulgação

O fato concreto é que existe uma clara divisão entre "nós" e "eles" no país

Agora, as atenções estão voltadas para a greve geral convocada para a sexta-feira, 28 de abril. A situação é controversa. De um lado, observadores da cena política avaliam que se trata apenas de uma "manifestação de redes sociais", com impacto limitado sobre a sociedade e a economia.

De outro, há os que acreditam que, afetado o transporte público, todo o país sentirá. Os dados estão rolando e as apostas estão no ar.

Para concluir, alguns chefes do Executivo já se mobilizam e buscam alternativas para a sexta-feira. O prefeito de São Paulo, João Dória, fez acordo com o Uber para transportar de graça os servidores municipais que não aderirem à greve. O Uber, por sinal, que há tempos vive em conflito com os taxistas. Mais um exemplo da realidade que vive o Brasil.

O fato concreto é que existe uma clara divisão entre "nós" e "eles" no país. Se esse quadro se acirrará, só o tempo dirá. Mas o fato inquestionável é que, desde a redemocratização do Brasil, os tempos não eram tão incertos. É tão inseguros.


O brasileiro é criativo - Despacito no ritmo e versão do vendedor de bom bom
Deputado ataca Ciro e classifica o pré-candidato de racista e caloteiro
veja +
Aprovada reserva de vagas em universidades públicas para alunos bolsistas de escolas beneficentes
CCJ aprova doação de blindados do Exército brasileiro ao Uruguai
Projetos culturais do Distrito Federal recebem recursos
veja +