Tempo de refletir

autor Maya Félix

Postado em 28/03/2017 19:59:54 - 19:54:00


Manifestantes protestam contra a corrupção no Brasil/Arquivo

Brasil é um país em que há poucos valores éticos em relação ao furto e à prostituição, entre outros

A política nacional nos fornece um circo de horrores diariamente. Roubo, corrupção, atos impensáveis praticados por aqueles que deveriam atuar em defesa do povo — e não contra —para proteger seus interesses pouco nobres.

Entretanto, é tempo de refletir sobre quem elege esses políticos; que atitudes têm esses que votam; por que o Brasil é um país em que há poucos valores éticos em relação ao furto e à prostituição, entre outros graves desvios de caráter — basta ver o que ocorreu no Espírito Santo, logo que a PM se retirou de cena: pessoas comuns, trabalhadoras, pais e mães de família correram às lojas para saqueá-las. Além disso, e vale pensar também, o Brasil é o país que mais “exporta” prostitutas para a Europa.

Segundo dados recentes da ONU, há 75 mil prostitutas brasileiras na Europa. Essas são apenas duas das mazelas que posso citar. Há muitas outras, de falsificação de produtos “de marca” à produção de CDs piratas, que encontra em solo nacional uma demanda promissora.

Afinal, se os políticos representam o povo, talvez seja fato que os políticos desonestos representam uma boa parcela da população. Sem querer diminuir a gravidade dos atos de corrupção, é preciso também pensar quem formou (ou deformou) a mente de milhões de brasileiros que acham naturais atos cotidianos de corrupção: “molhar” a mão do guarda de trânsito, estacionar em vaga de deficiente e idoso sem sê-lo, jogar lixo na rua, não respeitar a Lei do Silêncio, ficar com o troco que por um equívoco veio a mais e tantos atos “pequenos” que seriam rejeitados em países como os EUA e o Canadá, para ficar somente na América.

É tempo de o brasileiro pensar sobre si mesmo também. Porque 2018 bate à porta, e talvez não tenhamos mais tempo nem estrutura para viver mais quatro anos sob a Presidência de um político igual a todos esses que aí estão, alvos de operações da Polícia Federal, envolvidos com toda sorte de atos espúrios contra o Brasil.

http://brasil.estadao.com.br/noticias/geral,europa-tem-75-mil-prostitutas-do-brasil,174526


Rollemberg diz que não há decisão sobre ampliação do racionamento
Mensagem emocionante de quem construiu o Congresso
veja +
Parlamentares defendem ações e investimentos para a primeira infância
Para Perondi, governo enfrenta poderoso nicho de fiscais e Ministério Público do Trabalho
Eunício explica porque não leu o Projeto de Decreto do Trabalho Escravo
veja +