Notas de conjuntura política

autor André Pereira Cesar

Postado em 25/02/2017 07:48:57 - 07:39:00


Relator da reforma tributária Luiz Carlos Hauly/Arquivo/Agência Câmara

Serra, Serraglio, Moraes, Ribeiro, reforma tributária e a previdenciária que seguem contando prazo

José Serra fora do ministério: a saída de Serra do Itamaraty não mudará as diretrizes da política externa brasileira. O novo titular da pasta, independente do nome, seguirá o que já vem sendo feito desde o início do governo Temer.

Osmar Serraglio na Justiça: a nomeação de Serraglio para a Justiça reforça os laços do PMDB com o Planalto e reequilibra o quadro de forças na coalizão governista. O novo ministro será uma peça importante no novo desenho político do Planalto.

Alexandre de Moraes no STF: a confirmação do nome de Moraes para o Supremo Tribunal Federal representa importante vitória para o presidente Temer. Agora, o novo integrante da Corte terá pela frente uma agenda de interesse do Planalto.

Agnaldo Ribeiro na liderança do governo: dentro da recomposição do governo, a indicação de Ribeiro para a liderança na Câmara dos Deputados mostra a força e a importância do PP na base aliada. Ribeiro, apesar de jovem, é político experiente e com excelentes conexões parlamentares.

Reforma tributária: o deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR) apresentou sua minuta de projeto. O texto ainda é embrionário e a confecção final da proposta demandará ainda intensa negociação. A posição do Planalto será fundamental para o eventual êxito do projeto.

Reforma previdenciária: menina dos olhos do governo, a reforma da Previdência segue avançando e contando prazos. O relator, deputado Arthur Maia (PPS-BA), já recebe as proposta de emendas. O debate será intenso entre março e abril na Comissão Especial que analisa a matéria.


O brasileiro é criativo - Despacito no ritmo e versão do vendedor de bom bom
Deputado ataca Ciro e classifica o pré-candidato de racista e caloteiro
veja +
Aprovada reserva de vagas em universidades públicas para alunos bolsistas de escolas beneficentes
CCJ aprova doação de blindados do Exército brasileiro ao Uruguai
Projetos culturais do Distrito Federal recebem recursos
veja +